Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Kátia Abreu: decisão sobre Pazuello "reflete as pressões políticas do momento"

Procurada por 'O Antagonista', senadora se posicionou sobre decisão do Exército de não punir general
Kátia Abreu: decisão sobre Pazuello “reflete as pressões políticas do momento”
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Kátia Abreu, presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, comentou nesta segunda (7) a decisão do Exército de não punir Pazuello por participar de comício bolsonarista.

“Não há motivos para comemorar a decisão do comando do Exército”, disse a senadora do PP do Tocantins, em mensagem a O Antagonista. “Acredito que foi a decisão possível, que reflete as pressões políticas do momento”.

“Como presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado Federal, considero que as Forças Armadas são instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade do Poder Civil, e destinam-se à defesa da Pátria e à garantia dos poderes constitucionais”, acrescentou.

Entre as funções da comissão presidida por Kátia Abreu, estão emitir pareceres sobre “Forças Armadas de terra, mar e ar, [e] requisições militares”.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, Aécio Neves (PSDB-MG), ainda não se pronunciou.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO