Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Laudo não aponta lesões em líder indígena morto no Amapá

O resultado preliminar do exame necroscópico recebido ontem pela Polícia Federal, depois da exumação do corpo do líder indígena Emyra Waiãpi, não aponta lesões de origem traumática que pudessem ter ocasionado a sua morte.

O laudo indica que a ferida encontrada na cabeça de Waiãpi era uma lesão superficial. Também não houve fraturas nem foram encontrados indícios de enforcamento.

De acordo com o laudo, o conjunto de sinais apresentados no exame aponta para uma morte possivelmente por afogamento.

O documento é assinado por dois médicos legistas do quadro de servidores da Polícia Técnica do Estado do Amapá e estima que a morte ocorreu entre os dias 21 e 23 de julho.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO