“Laudos podem ser produzidos para satisfazer o desejo de um cliente”, diz jurista

O Antagonista ouviu o jurista Fábio Medina Osório, ex-AGU, sobre o peso jurídico do laudo do Instituto Del Picchia apresentado pela defesa de Lula para atestar a autenticidade dos recibos de aluguel.

Segundo ele, o documento terá de ser confrontado com o laudo da própria Polícia Federal.

“Não raro, laudos podem ser produzidos para satisfazer o desejo de um cliente, dependendo, inclusive, do direcionamento dos quesitos. Em cada caso concreto, é necessário verificar a profundidade e a densidade do trabalho apresentado”, diz.

Para Medina, “não basta acenar com um laudo para ter um salvo conduto”.

“O incidente de falsidade precisará ser julgado e levará em linha de consideração a qualidade dos laudos apresentados. O que pesa é o trabalho técnico dos profissionais envolvidos e o conjunto dos quesitos apresentados. Será fundamental confrontar esse laudo com o laudo da PF no incidente de falsidade e checar qual terá o maior peso técnico.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. este instituto del picchia ficou famoso por atestar a autenticidade de titulos emitidos pelo estado no seculo passado…..golpe usado ate pelo irmaos batista, que comprava de quebra os juizes para aceitarem os titulos em pagamento de dividas….

Ler mais 24 comentários
  1. este instituto del picchia ficou famoso por atestar a autenticidade de titulos emitidos pelo estado no seculo passado…..golpe usado ate pelo irmaos batista, que comprava de quebra os juizes para aceitarem os titulos em pagamento de dividas….

  2. A autencidade dos recibos é irrelevante.
    Quero alguém submeter a defesa do Lula à navalha de Occan.
    A estória do Lula parte de premissas absolutamente inverossimeis
    1º – Okamoto descobriu que o apto estava a venda e não contou nada ao Lula.
    2- Este procurou uma pessoa para comprar o apto e alugar pro Lula, sem ele saber.
    3- Achada a pessoa esse aluga para Marisa Letícia, sem o Lula saber.
    4- Ela assumiu os pagamentos sem o lula saber
    5- Ela pagava em dinheiro, uma senhora de + de 50 anos, ia todo o mes com 4 mil reais na bolsa à São Paulo, sem o Lula saber
    6- Nenhum assessor, secretária, filhos, ninguém sabia e/ou se ofereceu para ajudar, fazendo doc, Ted, depósito em conta.
    7- por 48 meses a rotina se repetiu
    8- Somente após o escandalo passaram a fazer depósito em conta.

  3. Será que os RECIBOS ORIGINAIS os quais estão sendo periciados pela PF e pelo perito comprado por LULA são IGUAIS(?????) às CÓPIAS dos recibos PREVIAMENTE ao processo?
    Ou será que os NOVOS RECIBOS ORIGINAIS foram melhor produzidos, de acordo com o perito contratado/comprado?

  4. Glauco é aquele “sortudo” em cujo colo, milagrosamente, caiu do céu,direitos sobre uma propriedade, a CUSTO ZERO, e NA MESMA DATA, vende esse mesmo direitos por R$ 800.000,00? Esses dados são os que constam na sua declaração de rendas – ganho de capital – na operação do terreno onde seria a futura instalação do Instituto lula!

  5. Os fiscais ficaram confusos. Alguns queriam multar o espectro metido a esperto, ali mesmo.
    — Cadê os recibos originais com firma reconhecida? Não vamos sair daqui de mãos vazias!
    O líder da equipe de fiscais, acostumado com aparições interdimensionais, resolveu sondar se a criatura etílica assombrava o local sozinho:
    — Ô fantasma? Diga uma coisa. Quem garante que esse lugar existe? Que isso não passa de uma fachada?
    O ser cambaleante sorriu e gritou para o fundo do balcão:
    — Compadre! Aparece aqui, querido! Materialize as cópias do impresso laranja.
    — Que lala-laranja, a-amigo? — a voz, vinda das sombras da cozinha, parecia amedrontada.
    — Aquele laranja tontinho que a gente catou no bloco da UTI, dando sopa lá no hospital.
    — Em que formato, chefe?
    — Formato “cara de paisagem”, querido!

  6. É muito fácil ter 14 canetas diferentes e assim, forjar o que quiserem. Ainda mais, considerando-se o tempo que os tais recibos levaram para aparecer. Partindo do cramulhão e do Zanin, tudo é possível.

  7. O laudo do Molina feito a pedido da defesa de Temer, também atestava um monte de ilegalidades, que depois se verificaram “encomendadas” usar 15 canetas diferentes seria o mínimo para produzir recibos fajutos, o contrário seria burrice. Tá muito fácil enganar o judiciário, qualquer balela tá valendo. PQP!

  8. Será que se o perito fizesse um laudo que não estivesse em conformidade com os interesses do seu cliente, será que o advogado deste cliente aceitaria esse laudo? Claro que não. Isto daí não tem a menor credibilidade na minha opinião.

  9. Bem há perito do juiz , as partes cada uma indica seu perito, o perito é independente é do juiz. Mas repito o laudo sobre a autenticidade ”fisica” dos recibos é necessario mas irrelevante. s recibs existem, foram assinados pelo laranjamarques pouco importando com quantas canetas e impressoras e com que datas. A falsidade é ”ideologica”, eles so existem para dar ar de legal a uma lavagem de dinheiro para compra de imovel, verdadeiro negocio , e é ai que esta o x da questao.

  10. O cara assinou os recibos mas não recebeu os aluguéis. Ou seja: o tal de Glaucos da Costamarques era testa de ferro mesmo. E também no caso do terreno para o Instituto Lula. Mais uma condenação, com certeza.