ACESSE

Lava Jato denuncia Edison Lobão e filho

Telegram

A força-tarefa denunciou hoje Edison Lobão e seu filho Márcio Lobão por corrupção e lavagem em contratos da Transpetro, celebrados entre 2008 e 2014.

Segundo a acusação, em 44 contratos da estatal para serviços em navios, orçados em R$ 1,5 bilhão, eram pagas propinas de 1% a 4%.

Na denúncia, o MPF juntou provas de encontros entre Sérgio Machado e Márcio Lobão para combinarem as entregas do dinheiro.

O filho do ex-ministro teria adquirido obras de arte para dissimular a origem criminosa de cerca de R$ 1 milhão recebido em espécie.

Também foram acusados:

  • Wilson Quintella, ex-presidente do Grupo Estre;
  • Antônio Kanji, ex-funcionário da Estre;
  • Luiz Fernando Nave Maramaldo e Nelson Cortonesi Maramaldo, executivos da NM;
  • José Sérgio de Oliveira Machado, ex-presidente da Transpetro; e
  • Carlos Dale Junior, proprietário da Galeria Almeida & Dale.

Exclusivo: os pagamentos de bancos e outros gigantes a Lula e a campanhas do PT, segundo Palocci. CONFIRA

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 12 comentários