LAVA JATO E O MAPA DA MINA

Ao investigar a nebulosa compra do sítio de Atibaia, o MPF pode ter descoberto uma mina de ouro. As escrituras de compra e venda dos dois imóveis que compõe o sítio de Lula foram lavradas na mesma data pelo mesmo escrevente, João Nicola Rizzi, no escritório de Roberto Teixeira.

Ouvido pelo MPF, o tabelião que participou do ato, Gilberto Amaral de Souza, revelou que Teixeira é cliente do 23º Tabelionato de Notas há aproximadamente 15 anos, tendo realizado neste período cerca de 20 ou 30 atos, todos conduzidos pelo escrevente Rizzi.

A Lava Jato agora vai levantar todos os atos em nome de Teixeira para investigar possível ocultação de propriedades do próprio Lula.

Faça o primeiro comentário