ACESSE

Lava Jato teve impacto eleitoral "que não era planejado", diz Moro

Telegram

Na entrevista à Jovem Pan do Paraná (leia mais aqui e aqui), Sergio Moro também foi perguntado sobre os impactos eleitorais da Operação Lava Jato em 2018.

“A Lava Jato teve um impacto no cenário político no país, mas este foi um efeito colateral indesejado, que não era planejado. […] Teve um impacto político, mas isso é fora do processo. A gente não tem como controlar isso”, disse o ex-ministro da Justiça.

“Gerou as condições necessárias para a entrada de um outsider? É possível que tenha tido alguma influência, mas isso é porque as pessoas ficaram insatisfeitas com os políticos tradicionais. Quando se apresentaram os candidatos, muitos desses partidos incorreram nesses mesmos erros, de fazer as apostas antigas”, prosseguiu Moro.

“Agora, quem utilizou o discurso, tem que assumir as promessas, principalmente no combate à corrupção. O compromisso do governo deveria ser este.”

Leia mais: O que Moro pensa sobre o Brasil? Clique e saiba mais

Comentários

  • LIGIA -

    Bolsonaro é um político antigo.

  • Carmina -

    Exatamente.

  • Orlando -

    Infelizmente, Dr. Moro, esse impacto político que ocorreu em 2018 agora não mais se repetirá. É que o Bolsonaro tem medo agora de medidas anticorrupção como o diabo tem medo da cruz.

Ler 44 comentários