'Lavajatismo há de ser superado pelo antigo enfrentamento à corrupção', diz Aras

Lavajatismo há de ser superado pelo antigo enfrentamento à corrupção, diz Aras
Antônio Augusto Brandão de Aras, o PGR

Segundo o procurador-geral da República, Augusto Aras, “o lavajatismo há de ser superado pelo natural, bom e antigo enfrentamento à corrupção”.

Em live com advogados lulistas transmitida ontem pela TVPT, Aras disse que “o chavão Lava Jato deu lugar a essa hipertrofia”, mas que isso “há de passar”.

O procurador falou durante conversa com advogados criminalistas, e criticou os avanços da Lava Jato sobre a corrupção do sistema político.

Segundo ele, os procuradores da operação criaram uma caixa preta e se utilizaram da “espetacularização” das investigações.

“Nossa posição é a mudança de foco”, disse. Com isso, ele quis dizer que “agora é a hora de corrigir os rumos para que o lavajatismo não perdure”, conforme noticiamos.

Assista ao trecho:

Leia mais: Lava Jato ameaçada de morte
Mais notícias
TOPO