Lewandowski é vergonhoso

Gilmar Mendes disse que foi “vergonhosa” a decisão de Ricardo Lewandowski de fatiar o impeachment:

“Considero essa decisão constrangedora, é verdadeiramente vergonhosa. Um presidente do Supremo não deveria participar de manobras ou de conciliábulos. Portanto não é uma decisão dele. Cada um faz com sua biografia o que quiser, mas não deveria envolver o Supremo nesse tipo de prática.”