Lewandowski protesta contra fechamento da Esplanada e Toffoli pausa julgamento da prisão em 2ª instância

Quase ao final do julgamento da prisão em segunda instância, Ricardo Lewandowski resolveu protestar contra o fechamento da Esplanada dos Ministérios, na semana que vem, para a realização de um encontro dos Brics.

A discussão, fora de hora, começou depois que Dias Toffoli comunicou que, por causa da presença de chefes de Estado estrangeiros, Jair Bolsonaro convocou as Forças Armadas para uma operação de garantia da lei e da ordem, o que restringirá o acesso ao Supremo.

“A Constituição não garante o livre exercício dos poderes? Espero que os servidores do meu gabinete não passem por nenhum constrangimento”, reclamou Lewandowski.

Nas próximas 2 ou 3 semanas, algumas questões realmente importantes — e que provocam paixões — devem chegar a seu ápice e, talvez, a um desfecho. SAIBA MAIS AQUI

A discussão levou Toffoli a suspender a sessão de julgamento por 10 minutos.

Comentários

  • Mauricio -

    Lembrem ao MIN"Lewan"-4900 criminosos condenados soltos;1 deles suspeito d assassinato d Celso Daniel, conclamou s/s seguidores a irem pras ruas como no CHILE. Acha q os Chefes d Estado ñ sabem dis

  • Ruy -

    Esse cara ė de Marte.

  • Lucia -

    Um bando de boçais! Esses caras não passam de um bando de boçais!

Ler 74 comentários