ACESSE

Lewandowski sabota Bolsonaro

Telegram

Ricardo Lewandowski concedeu uma liminar suspendendo a MP 849, que adiava os aumentos do funcionalismo para 2020.

Essa sabotagem gera um rombo adicional para os cofres públicos de 4,7 bilhões de reais no ano que vem.

Exclusivo: general Mourão revela novas ameaças a Bolsonaro LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 224 comentários