Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Líder do governo disse que ficou 'constrangido' com tratativas entre Davati e Ministério da Saúde

Fernando Bezerra declarou que a Davati não tinha capacidade técnica para encabeçar negociações por vacinas com o governo federal
Líder do governo disse que ficou constrangido com tratativas entre Davati e Ministério da Saúde
Foto: Pedro França/Agência Senado

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), disse durante a sessão de hoje da CPI da Covid que ficou constrangido com as tratativas entre os integrantes do Ministério da Saúde e Cristiano Carvalho, representante da Davati.

“Eu quero aqui também manifestar o meu desconforto com os diálogos que foram mantidos entre os representantes da Davati e servidores públicos ou ex-servidores públicos, numa narrativa em que a gente constata a falta de credenciamento, de capacidade técnica, de habilidade técnica para que essa empresa Davati ou seus eventuais representantes pudessem tratar com o Governo brasileiro para uma eventual aquisição ou compra de vacinas”, disse o líder do governo.

“Eu estou realmente, digamos assim, constrangido com os diálogos que estão sendo aqui mostrados”, prosseguiu Bezerra.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO