Líder do MBL terá de indenizar jornalista da Globo em R$ 45 mil

Líder do MBL terá de indenizar jornalista da Globo em R$ 45 mil
Reprodução

A Justiça de São Paulo condenou o ativista Renan Santos, fundador do MBL, a indenizar em R$ 45,4 mil o jornalista José Roberto Burnier, da TV Globo.

Segundo a decisão, Renan chamou Burnier de “canalha” e de “esquerdista global de joelhos para o PT” numa crítica à cobertura da Globo do impeachment de Dilma Rousseff.

As declarações foram consideradas ofensivas, com o intuito de causar dano moral ao jornalista.

O caso já está em fase de cumprimento de sentença e não cabe mais recurso da decisão. A juíza Fernanda Soares Fialdini deu 15 dias para que Renan pague a indenização.

 

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 13 comentários
TOPO