ACESSE

Lindbergh convoca militância para 'desobediência civil'

Telegram

Um dia depois da condenação de Lula em segunda instância, Lindbergh continua exaltado. Ele convocou a militância para a “desobediência civil”.

“Não nos peçam passividade nesse momento. Há uma ditadura de toga nesse País. Não podemos mais dizer que vivemos numa democracia e agora só temos um caminho: a rebelião cidadã e a desobediência civil”, afirmou o senador pelo Rio de Janeiro, segundo registro do Estadão.

E mais:

“Vão fazer o quê? Prender o Lula? Vão ter de prender milhões de brasileiros antes. (…) O caminho é a mobilização de massa toda semana. Eu não acredito mais na via institucional.”

Lindbergh vai para a luta armada?

 

Será que o governo está no caminho certo? LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 160 comentários