Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Lira e a relatora não querem adjetivos sobre a PEC da Imunidade

Lira e a relatora não querem adjetivos sobre a PEC da Imunidade
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A deputada Margarete Coelho (PP), relatora da PEC da Imunidade, em debate no plenário da Câmara com o deputado petista Paulo Teixeira, há pouco, disse que é preciso defender o que ela chamou de “dignidade do mandato”.

“Eu espero não precisar dessa lei, mas eu sei que muitos precisam dessa autoridade dos seus mandatos, para enfrentar os seus opositores, muitas vezes bem mais poderosos”, afirmou a deputada. “Ninguém aqui está fazendo a lei olhando para o retrovisor, estamos olhando para a frente”, acrescentou ela, admitindo obviedades.

Em seguida, a relatora e Arthur Lira disseram não aceitar adjetivação ou apelidos sobre a proposta.

Não pode chamar a PEC da Imunidade de PEC da Impunidade.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO