Lira tenta negociar com o Supremo; leia o que disseram dois líderes

Lira tenta negociar com o Supremo; leia o que disseram dois líderes
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Arthur Lira ordenou silêncio sobre o caso Daniel Silveira aos integrantes da Mesa Diretora, aos bolsonaristas e aos líderes mais próximos — enquanto isso, foi se reunir com Jair Bolsonaro fora da agenda, como revelou a CNN.

O Antagonista ouviu dois líderes, com o compromisso de não identificá-los.

“Está acontecendo o seguinte: o Lira está tentando, junto ao Supremo, fazer o relaxamento da prisão do deputado via medida cautelar, com o compromisso de ‘jogar pesado’ com ele aqui na Conselho de Ética. Se não der certo, aí a tendência será o deputado apanhar amanhã em plenário, com a maioria mantendo a prisão”, disse um deles.

O outro afirmou:

“A tendência, até ontem à noite, era o relaxamento da prisão pelo STF, com posterior punição política na Câmara. Mas agora de manhã surgiram sinais de insatisfação por parte do Supremo com essa solução. De forma que não sei ainda no que apostar.”

É isto mesmo que você está percebendo: o Congresso tentando negociar com a Suprema Corte.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Mais lidas
  1. "Mãe"

  2. "Lockdown imediato, nacional, de 21 dias"

  3. Vaza, Guedes

  4. Moro: "Para a frustração dos corruptos e de seus amigos"

  5. "O BOBO DA CORTE"

Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 50 comentários
TOPO