ACESSE

Luís Roberto Barroso: o sequestro da narrativa

Telegram

Luís Roberto Barroso, na Crusoé:

“A corrupção nos atrasa na história, com suas consequências desastrosas, que incluem: fraudes em licitações; superfaturamento de contratos; propinas em empréstimos e financiamentos públicos; propinas em desonerações e isenções tributárias; achaques em CPIs; e emendas orçamentárias parlamentares cujos recursos não chegam ao seu destino. Tão ruim quanto o país feio e desonesto que resulta dessa fotografia é o conjunto de decisões equivocadas que são tomadas pelos motivos errados. É aí que se materializam as obras inúteis e as aquisições desnecessárias. Tudo provado, documentado, confessado.

Há em curso no Brasil, no entanto, um esforço imenso para capturar a narrativa do que aconteceu no país. Muita gente querendo transformar a imensa reação indignada da sociedade brasileira e de algumas de suas instituições no enfrentamento da corrupção numa trama para perseguir gente proba e honesta. E, para isso, não se hesita em lançar mão de um conjunto sórdido de provas ilícitas, produzidas por criminosos – Deus sabe a soldo de quem.”

Leia o artigo na íntegra:

O sequestro da narrativa

Exclusivo: não comece 2020 ser ler o que Moro, Barroso e outras 8 personalidades têm a dizer sobre o futuro do Brasil. LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 47 comentários