LULA ADMITE QUE SÍTIO FOI COMPRADO PARA ELE

Lula se embaralhou ao responder as perguntas sobre o sítio de Atibaia. Repetiu a versão de que o imóvel pertence a Fernando Bittar e Jonas Suassuna, disse que frequenta a propriedade menos do que gostaria.

Mas acabou admitindo que “os companheiros que compraram o sítio fizeram foi tentar garantir que eu tivesse um lugar pra descansar.” Lula derruba, assim, a versão de que Jacob Bittar comprou o Santa Bárbara para que as famílias pudessem conviver.

***

Delegado da Polícia Federal:- Certo. Em qual frequência o senhor frequenta esse sítio?

Declarante:- Menos do que eu gostaria.

Delegado da Polícia Federal:- E o que… qual a frequência?

Declarante:- Não sei, eu não sei, às vezes eu vou duas vezes por mês.

Delegado da Polícia Federal:- Desde 2011?

Declarante:- No final de semana. Eu fiquei sabendo desse sítio no dia 15 de janeiro de 2011, passei a frequentar até menos porque eu viajei muito, acabei de falar que eu viajei demais, então comecei a frequentar mais depois, quando eu estava com câncer, e depois passei a frequentar mais em 2013, em 2014, e pretendo continuar visitando se não destruírem o sítio, porque tudo que os companheiros que compraram o sítio fizeram foi tentar garantir que eu tivesse um lugar pra descansar, porque você sabe que eu não tenho.

Delegado da Polícia Federal:- Foi pensando no senhor, no seu descanso?

Faça o primeiro comentário