Lula conhece as finanças de Marcelo Odebrecht

Ao reclamar de uma possível prisão preventiva, Lula diz que a situação é grave. “O Vaccari está preso há três anos, o Marcelo ODebrecht gastou R$ 400 milhões e não conseguiu habeas corpus.”

 

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. Se o Marcelo gastou 400 milhões e não conseguiu, o Lula gastou quanto ?
    Esses advogados estão sendo pagos aqui ou no exterior ?
    Com que dinheiro, licito ou ilegal ?
    Os advogados estão esquentando dinheiro para os seus clientes ?

Ler mais 11 comentários
  1. Se o Marcelo gastou 400 milhões e não conseguiu, o Lula gastou quanto ?
    Esses advogados estão sendo pagos aqui ou no exterior ?
    Com que dinheiro, licito ou ilegal ?
    Os advogados estão esquentando dinheiro para os seus clientes ?

  2. Tem que perguntar ao Marcelo para quem ele deu os R$ 400 milhões para conseguir um habeas corpus. Quanto ao Lula, se tudo der certo, ficará os 12 anos na prisão, já que, logo, logo, vai ser condenado a mais alguma dezena de anos e só sai depois do cumprimento de 1/3.

  3. Mas que interessante essa colocação do condenado, apesar de pouco me importarem normalmente os pensamentos de bandidos. Revela a surpresa (dele) com o fato de um vagabundo gastar R$ 400 milhões e não conseguir habeas corpus pois o raciocínio de Lula é o de que habeas corpus são artigos de luxo à venda e não instrumentos do Direito para evitar abusos e cerceamentos indevidos da liberdade de qualquer pessoa.

  4. http://www.valor.com.br/politica/5343069/fecomercio-rj-pagou-r-68-milhoes-escritorio-que-defende-lula
    https://oglobo.globo.com/brasil/lava-jato-prende-presidente-da-fecomercio-rj-orlando-diniz-por-esquema-com-cabral-22424944
    O escritório que defende Lula recebeu R$ 68 milhões do Fecomércio-RJ, verba oriunda do Sistema “S”.

  5. Para onde que foi esse dinheiro?
    Obs. Então o M O teria omitido isso na sua delação!?? Isso era para vir na delação, o acordo do Marcelo (da Odebrecht) pode ser cancelado! Fica em Xeque!