Lula e a Muranno

A Lava Jato “reuniu indícios de que pagamentos feitos pela Petrobras à agência de publicidade Muranno – suspeita de ter sido usada para lavagem de dinheiro – foram autorizados por José Sergio Gabrielli”, informa o Valor.

O caso pode parecer menor, considerando o volume de dinheiro roubado da Petrobras. Mas ele atinge diretamente Lula.

Alberto Youssef disse que o dono da Muranno ameaçou revelar o esquema de corrupção na Petrobras caso não lhe pagassem 7 milhões de reais.

Ao tomar conhecimento do caso, Lula mandou José Sérgio Gabrielli usar a propina das empreiteiras para calar o dono da agência.

Quem cuidou do pagamento? Paulo Roberto Costa – o Paulinho – e Alberto Youssef.

Faça o primeiro comentário