Lula e Dilma: pente-fino

No pente-fino dos bens surrupiados por Lula e Dilma na Presidência da República, o TCU descobriu que o petista recebeu 568 presentes de autoridades estrangeiras ao longo de seus dois mandatos e deixou no Planalto “só nove deles”, segundo a Veja.

Dilma, por sua vez, recebeu 163 itens, mas só seis foram incorporados ao patrimônio público.

“O TCU sugeriu ampliar o sistema de fiscalização para impedir que futuros presidentes levem bens que deveriam ser públicos.”

Faz muito bem, mas o eleitor brasileiro precisa parar de eleger esse tipo de gente.

Faça o primeiro comentário