Lula entra com agravo no TRF-4 e diz que 'Constituição foi violada'

Telegram

Lula entrou com agravo contra a decisão da vice-presidente do TRF-4, Maria de Fátima Labarrère, que não admitiu recurso extraordinário do petista ao STF contra a condenação no caso do triplex do Guarujá.

Os advogados do presidiário insistem que há “questões constitucionais” a serem discutidas sobre a condenação a 12 anos e um mês por corrupção e lavagem de dinheiro.

Para a defesa, uma série de princípios previstos na Constituição foram desrespeitados no curso do processo e não prospera o argumento da juíza de que seria necessário o reexame de provas –coisa que não cabe a tribunais superiores.

Foi graças à decisão de Labarrère que Edson Fachin mandou cancelar o julgamento do pedido de Lula para que o soltassem, que estava na pauta de amanhã do STF.

Comentários

  • antonio -

    luladrão está gastando nosso dinheiro com esses aDEvogados. qdo o dinheiro acabar a estrela vai se apagar: gleise a amante disse q o Brasil ia parar e q haveria mortes c a prisão do lulárapio mas até agora nada. sim mortes estão acontecendo: de tanto rir..........

  • boi -

    Este advogado é useiro e vezeiro de ver coisas que ninguém mais vê nos processos que ele é parte. Um expert em recurso esperniante. Até quando estes recurso continuarão sendo recepcionados e julgados pelo STF. Chega! O STF ainda não é um puteiro inveterado de gente sem honrar.

  • Alcivaldo -

    Lula e o PT nunca referendaram a constituição de 88, se recusaram a assinar o projeto e foram até mesmo contra, agora alegam violação de um direito que não tem????

Ler 149 comentários