ACESSE

Lula, o iluminado

Telegram

Lula foi visitado hoje na cadeia em Curitiba pela monja budista Coen Roshi, que numa “encarnação anterior” foi jornalista e se chamava Cláudia de Souza.

Segundo a monja relatou à Folha, o condenado disse a ela:

“Estou ficando mais filósofo, mais manso. Eu acalmo pessoas que vêm falar comigo com muita raiva, com muita angústia. Eu faço com que eles fiquem bem, porque as coisas são como são e não são eternas, são transitórias.”

Pelo visto, Lula já é quase Sidarta Gautama, o iluminado. Quem sabe com mais algum tempo na cadeia ele chegue ao nirvana.

Comentários

  • esquerdistas -

    olha a pretensão dessa mulher, risos... o inri cristo já foi visitar ele também?

  • Van/1 -

    Há há há... Muito bom rir assim no fim da noite às custas desse bandido.

  • quem -

    Que bom que o cárcere tem ajudado o crescimento do Lula. Quem disse que a prisão não recupera ninguém...

Ler 173 comentários