ACESSE

Lula preso pode ter custado até R$ 5,7 milhões aos cofres públicos

Telegram

A prisão de Lula na superintendência da Polícia Federal em Curitiba, de abril de 2018 até hoje, pode ter custado cerca de R$ 5,7 milhões aos cofres públicos, calcula o Estadão.

O cálculo do jornal baseia-se no ofício de abril do ano passado em que a PF pediu à juíza Carolina Lebbos, da Vara de Execuções Penais, a transferência do petista para um presídio.

Nesse documento, a instituição estimou em cerca de R$ 300 mil o custo mensal para manter o ex-presidente em suas dependências.

O valor, segundo o ofício, cobria despesas com diárias de policiais, passagens e deslocamentos de pessoal de outras unidades para reforçar a segurança da superintendência.

As consequências para o Brasil da decisão do STF de sepultar a prisão de condenados como Lula. LEIA AQUI

Comentários

  • Jose -

    Tinha que fazer trabalhar coisa que nunca fez vagabundo

  • Luis -

    FORA..... #@$VAGABUNDOS !!!!!

  • Arnaldo -

    Deveriam repensar a reforma tributária e criar o imposto ILP, o imposto Lula preso, incidente sobre o luxo da gaiola do maior bandido brasileiro de todos os tempos

Ler 45 comentários