Lula quer “aprimorar o combate à corrupção”.

No recurso infame à Comissão de Direitos Humanos da ONU, os advogados de Lula dizem que ele “busca uma decisão nesse sentido pelo Comitê, na esperança e expectativa de que os seus pontos de vista sobre estas queixas não só irão fornecer alguma compensação pela violação de seus direitos, mas vão ajudar os futuros governos na elaboração de leis e procedimentos que possam aprimorar o combate à corrupção, enquanto protegem os direitos básicos dos suspeitos”.

Sim, você leu direito: Lula ataca a Justiça brasileira, para se defender do indefensável, porque quer ajudar no aprimoramento do combate à corrupção.

Aprimorar o combate à corrupção é colocar Lula na frente de Sérgio Moro.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200