Lula recorre ao plenário do STF

Os advogados de Lula recorreram da decisão de Rosa Weber de negar a liminar que pedia a suspensão das investigações no MP de São Paulo e no MPF de Curitiba por suposto “conflito de competência”.

No recurso, protocolado há pouco, a defesa da jararaca usa o despacho de Rosa em benefício próprio, ao alegar que a ministra reconheceu a competência do STF para julgar o caso e admitiu a existência de duas investigações sobre o mesmo tema.

O objetivo de Lula é levar a discussão ao plenário do Supremo.