Lula vira réu na Lava Jato pela quarta vez

Lula vira réu na Lava Jato pela quarta vez
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Lula virou réu pela quarta vez na Lava Jato do Paraná. Nesta sexta (23), o juiz Luiz Antonio Bonat recebeu a denúncia do MPF contra o petista e mais três pessoas por lavagem de dinheiro via doações da Odebrecht ao Instituto Lula.

Segundo a denúncia, o ex-presidiário era “comandante e principal beneficiário do esquema de corrupção que também favorecia as empreiteiras cartelizadas”, como a Odebrecht. Antonio Palocci e Paulo Okamotto, presidente do Instituto Lula, também são réus no processo.

A ação afirma que Lula “teria dado aval para que importantes diretores da Petrobras fossem nomeados para atender aos interesses de arrecadação de propinas em favor dele próprio e de outros integrantes do PT, PP e PMDB, com o envolvimento de outros funcionários públicos de elevado status na administração pública”.

Cristiano Zanin, o advogado do petista, chamou a ação de “mais um ato de perseguição contra o ex-presidente Lula” e afirmou que a decisão de Bonat “desconsidera que Lula já foi definitivamente absolvido pela Justiça Federal de Brasília da absurda acusação de integrar uma organização criminosa”.

CLIQUE AQUI para ler o PDF com a íntegra da decisão de Bonat.

Leia mais: STJ: os ministros e seus familiares abastados que advogam na corte
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 62 comentários
TOPO