Lupi, auxiliar de gabinete de vereador

Telegram

Carlos Lupi, presidente do PDT, se mantém empregado na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, mesmo coordenando a campanha de Ciro Gomes, noticia a Folha.

Lupi é auxiliar de gabinete do vereador Daniel Martins e recebe salário bruto de R$ 3.500.

A reportagem destaca que ele não dá expediente no local, mas as regras da Câmara permitem que assessores atuem fora do gabinete.

Comentários

  • Roberto -

    Esse povo não vive sem uma boquinha! Falam em regular a imprensa, mas o que precisa ser regulado são esses cargos comissionados que deveriam servir a atividade legislativa e não a interesses pessoa

  • Cláudio -

    Vereador vai demitir o meliante ou, o mesmo, vai ter a mesma coragem da Val e pedir exoneração?

  • RobertoRJ -

    Mais um escárnio na política do Rio de Janeiro. VERMES.

Ler 22 comentários