Lutam pela liberdade

O kirchnerismo caminha para uma derrota na Argentina. A duas semanas do segundo turno, uma pesquisa da Management & Fit confirmou vantagem de 8% para Mauricio Macri, candidato da oposição. Na pesquisa da Gonzalez y Valladares, a vantagem sobre Daniel Scioli já passa dos 11%.

Os argentinos trabalham pela democracia.

Faça o primeiro comentário