Lyra e Vaccari viram réus em Brasília por desvio em fundos de pensão

Telegram

O juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da Justiça Federal em Brasília, ratificou decisão que tornou réus o empresário Milton Lyra, apontado como operador do MDB, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto por desvio de verbas nos fundos de pensão dos Correios e do Serpro.

A denúncia já havia sido recebida no ano passado pelo juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato do Rio de Janeiro, mas o caso foi transferido para o Distrito Federal por decisão do Superior Tribunal de Justiça. Além de Lyra e Vaccari, há outros 10 réus no caso, investigado na Operação Rizoma.

 

Comentários

  • Massaaki -

    Essas fraudes e rombos deveriam ser melhor investigados por meio de auditorias da CGU, TCU, investigações da PF/PGR/MPf, por meio de forças-tarefa, e passar também por CPI. Ainda há muita coisa

  • Nanci -

    Vaccari está resignado pagando cadeia. Esquecido pelos amigos petistas e pelo lula só é lembrado a cada vez que se torna réu .

  • Edley -

    KKKK Pelo jeito esse Vaccari vai morrer na cadeia

Ler 25 comentários