ACESSE

Macarrão se distingue de Lula

Telegram

Luiz Henrique Ferreira Romão, de 32 anos, mais conhecido por Macarrão, deixou a cadeia na noite de sexta-feira.

Condenado a 15 anos de cadeia pela morte de Eliza Samudio e pelo sequestro de seu filho, o comparsa do goleiro Bruno Fernandes de Souza obteve na tarde de quinta o direito de passar para o regime aberto, após cumprir sete anos da pena, sendo os últimos 20 meses no regime semiaberto, deixando a prisão para estudar e trabalhar na limpeza de uma igreja.

Ao sair do presídio, Macarrão foi cercado por jornalistas e frisou que nunca tentou se passar por “coitadinho” e que está arrependido do crime que cometeu.

“Infelizmente não tenho como voltar atrás. Se pudesse, eu voltaria.”

É uma distinção e tanto no Brasil.

Comentários

  • wanderlei -

    Se está tão arrependido por que não diz o que fizeram com o corpo? Todos tem essa conversa mole de arrependimento.

  • Iguais -

    Um assassino covarde/bandido/vermeinútil, o NoveDedos é igual ou pior.

  • Tomou! -

    Macarrão foi digno;não enrolou.Como estamos apressados,Lula "al dente" ou... cru.

Ler 58 comentários