"Maduro é o retrato da dor humana", define deputada

A deputada Shéridan Oliveira, do PSDB de Roraima, disse a O Antagonista que Nicolás Maduro “é o retrato da dor humana”.

Ontem, o ditador venezuelano determinou o fechamentos das fronteiras com o Brasil.

“Ele quer impedir uma ajuda que é incapaz de dar ao seu próprio povo. É um presidente que nega ajuda humanitária, porque nega a crise humanitária. E Roraima é o reflexo da crise que ele nega.”

A parlamentar acrescentou que é “desesperador” ver Maduro “fechando as portas do país para o que resta de esperança ao povo venezuelano”.

Comentários

  • Paulo -

    Assim como o Maduro nega que haja crise humanitária, o PT nega que houve corrupção nos 13 anos de governo deles e que Lula é honesto.

  • FABIO -

    Qualé Shéridan? O retrato da dor humana é o povo venezuelano e não o maduro. Ele é o retrato do despotismo, da barbárie e do comunismo insano apoiado pela nossa esquerda que se diz a favor do po

  • Alexandre -

    Cadê o Chico Buarque??

Ler 44 comentários