"Maduro sempre exercendo grande influência no Brasil"

“Maduro sempre exercendo grande influência no Brasil”
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Como noticiamos há pouco, 69 países aceitaram a chamada “cláusula de responsabilização” da Pfizer e fecharam contrato com a empresa para comprar vacinas contra a Covid-19.

O governo Bolsonaro reluta a aceitar os termos exigidos pela farmacêutica americana — e por tantas outras, registre-se.

O deputado Daniel Coelho, vice-líder do Cidadania na Câmara, foi às redes sociais ironizar:

“Apenas Venezuela, Argentina e Brasil não aceitaram os termos da Pfizer para aquisição de vacinas. Nicolás Maduro sempre exercendo grande influência no Brasil.”

Hoje, como registramos, a Anvisa autorizou o uso definitivo da vacina contra a Covid-19, atestando segurança, qualidade e eficácia do imunizante.

Leia mais: Enquanto Brasília faz tudo errado, a Crusoé continuará fazendo o certo: fiscalizando o poder.
Mais notícias
TOPO