Magno Malta: “Se Temer tem amor pelo Brasil, ele renuncia”

O Antagonista ouviu Magno Malta sobre a situação em Brasília.

“Eu acho o seguinte: passa o rodo nessa putaria toda, o Brasil tem de ser passado a limpo.”

Segundo o senador, dizem que Temer “está resistente” à opção de renunciar, “mas todo mundo fala isso no começo, né?”

“Se ele tem amor pelo Brasil, ele renuncia”, afirma Malta.

“O país não aguenta esse sangramento, não. Negócio de você esperar pra fazer um impeachment: tá maluco, cara! Demorar quase um ano com o país sangrando, vivendo o que está vivendo, nas vésperas de um processo eleitoral, então nós teremos de começar a fazer força pra isso mesmo [a renúncia].”

Para o senador, “se ele [Temer] está gravado, se o áudio é dele, é ele que está falando, ele pode dar mil explicações que a sociedade não vai querer entender, ninguém vai. ‘Não, não é’… Ninguém quer saber, rapaz. Você estava lá com o cara. Pronto. Não tem como [se defender]”.

Malta acredita haver mais chances de Temer renunciar do que havia com Dilma Rousseff.

Os petistas “tinham uma militância que ia para aqueles comissões defender eles. Temer não tem isso, não”.