Maia acusa equipe de Guedes de vazar Renda Brasil sem consultar Bolsonaro

Maia acusa equipe de Guedes de vazar Renda Brasil sem consultar Bolsonaro
Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Rodrigo Maia apoiou a decisão de Jair Bolsonaro de recusar a proposta da equipe econômica para o Renda Brasil e acusou a equipe de Paulo Guedes de vazar a proposta antes de consultar o presidente.

As declarações do presidente da Câmara, que hoje tomou café da manhã com Bolsonaro, foram dadas logo antes da sessão que aprovou a criação do TRF-6.

Maia disse não ter falado com o presidente sobre o Renda Brasil, mas respaldou sua decisão de recusar a proposta de Guedes —na avaliação de Bolsonaro, ela significaria “tirar de pobres para dar para paupérrimos”.

“A equipe econômica vazou antes da reunião com o presidente qual era a sua ideia”, disse o deputado do DEM do Rio, que acrescentou: “De forma pública também, o presidente anunciou que, por enquanto, a matéria está suspensa”.

“O que eu acho que tem problema é se ficar discutindo e avançando ideias que ainda não estão consolidadas e autorizadas pelo presidente da República”, acrescentou Maia.

Leia mais: 'Crusoé' revelou pagamentos da JBS ao advogado de Bolsonaro e a participação do presidente em operação em favor do grupo dos irmãos Joesley e Wesley Batista. E os repórteres seguem investigando
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 16 comentários
TOPO