Maia não pratica a política que professa

Maia não pratica a política que professa
Foto: Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados

Rodrigo Maia disse hoje que não atende Ricardo Barros há um mês, porque o governo não tem pauta. Antes disso, Maia ficou sem falar com Arthur Lira por mais de 15 dias.

Não há razões institucionais que justifiquem a postura do presidente da Câmara de cortar o diálogo com o líder do governo e o líder do Centrão, maior bancada legislativa.

Estão em jogo votações importantes, como a autonomia do Banco Central, a MP da Cabotagem e as reformas administrativa e tributária, além das privatizações e uma série de outros temas de interesse nacional.

Ao celebrar a eleição de Eduardo Paes como prefeito do Rio, Maia disse que “venceu quem faz política”. Mas o que vem fazendo nos últimos tempos como presidente da Câmara é justamente a negação da política.

 

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais lidas
  1. Huck 2026?

  2. Médica de Rondônia ri de intubação de pacientes

  3. Mensagens de WhatsApp revelam que militares bolsonaristas perderam a chance de comprar vacinas

  4. Bolsonaro: leite condensado é para 'enfiar no rabo' da imprensa

  5. Neymar pai no 'churrasco de leite condensado'

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 64 comentários
TOPO