Maia trabalha pelas reformas

Rodrigo Maia disse à Folha de S. Paulo:

“Não tenho trabalhado contra o presidente”.

E acrescentou:

“Tenho tentado deixar claro. Uma coisa é ser o dono da agenda econômica. Outra coisa é conduzir uma denúncia, onde meu papel é cumprir a Constituição e respeitar os dois lados, governo e oposição”.

Rodrigo Maia não trabalha contra Michel Temer, mas garante que, caso o Palácio do Planalto caia em seu colo, as reformas serão aprovadas.

20 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Maia está certo em aproveitar o cavalo encilhado passando na sua frente. Estará indiretamente fazendo um serviço de limpeza no Brasil. Depois tratamos do Botafogo. Cada coisa a seu tempo !

  2. Temer sai. Brasil mergulha no caos. O lixo esquerdista (PT, PSOL, PCdoB, Rede,…) volta ao poder. País ajusta novamente a rota para a venezuelização, ditadura, controle da mídia,… A imprensa e os políticos que forçarem a saída de Temer não serão perdoados JAMAIS. Se o caos vier, serão os primeiros a receber a justiça pelas mãos do povo.

  3. Hoje a facção criminosa PSDB vai se reunir pra ver se deixa a formação de quadrilha com o PMDB. VAI CONTINUAR APOIANDO O CRIME. É fácil ser vidente quando se trata de cretinos LADRÕES e suas manobras para enganar trouxas.

  4. Reformas?! Acreditam que sairão, e que seriam a solução para o país? Não têm legitimidade – e moral. Temer, Maia, Aécio, etc. Só defende reforma quem têm interesses, nem que seja o mesquinho de ferrar os outros… Ou se for burro, louco…

  5. Estão previstos 42 votos no Senado na trabalhista. Na da previdência precisa 49 votos, no final do ano, com eleições em poucos meses. Esqueçam isso, tentem voltar a ter um mínimo de credibilidade.