Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Maior cliente de Dirceu é uma das farmacêuticas beneficiadas por Bolsonaro em gestão pela cloroquina

Maior cliente de Dirceu é uma das farmacêuticas beneficiadas por Bolsonaro em gestão pela cloroquina
Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Antagonista revelou ontem que Jair Bolsonaro escreveu uma carta a Narendra Modi pedindo a liberação de um lote de matéria-prima da hidroxicloroquina para dois laboratórios brasileiros: EMS e Apsen.

A EMS foi o maior cliente do consultor José Dirceu, tendo repassado R$ 7,8 milhões ao ex-ministro entre 2009 e 2014.

Relatório da Polícia Federal sobre transações bancárias da JD Consultoria, revelado por este site,  mostrou que, do total, R$ 5 milhões foram parar nas empresas de Luiz Carlos Rocha Gaspar, que se mudou para a Espanha após a deflagração da Lava Jato.

Gaspar nunca foi investigado pela Lava Jato, embora a PF tenha vasculhados seus endereços na operação que prendeu Dirceu.

Em 2018, O Antagonista também revelou que Gaspar realizou negócio imobiliário de R$ 145 milhões com a ACS Construção e Incorporação, de Carlos Sanchez… dono da EMS.

Leia também: Mandetta vence uma batalha. Vencerá a guerra?
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO