Maioria no STF rejeita pedido de Witzel contra impeachment

Maioria no STF rejeita pedido de Witzel contra impeachment
Foto: Reprodução/CNN

Seis dos 11 ministros do STF já votaram, em julgamento virtual, pela rejeição de um pedido de Wilson Witzel para anular seu processo de impeachment na Alerj.

São eles Alexandre de Moraes, relator, Marco Aurélio Mello, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Edson Fachin e Kassio Nunes Marques. O único voto contrário, até agora, é de o Dias Toffoli.

Em julho, quando a ação foi protocolada no STF, Toffoli, no plantão, chegou a mandar desfazer a comissão de deputados responsável pela primeira análise da denúncia.

Considerou razoáveis argumentos da defesa de Witzel de que não houve votação nem proporcionalidade entre partidos na formação do colegiado.

Em agosto, no dia em que Witzel foi alvo de operação da Polícia Federal e afastado do cargo pelo STJ, Alexandre de Moraes, relator do caso no STF, derrubou a decisão de Toffoli e permitiu que o processo de impeachment prosseguisse.

Ainda faltam votar na ação no STF os ministros Luís Roberto Barroso e Gilmar Mendes. Luiz Fux se declarou suspeito e não participa do julgamento.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 7 comentários
TOPO