36 MILHÕES, BOA PARTE DURANTE CAMPANHA DE DILMA

Só para reforçar. Como mostramos no post anterior, Marcelo Odebrecht fez três repasses a Antonio Palocci, “via Juscelino Dourado”, num total de R$ 36 milhões. A maior parte desse valor foi paga em plena campanha eleitoral de Dilma Rousseff, que tinha Palocci como principal arrecadador.

É dinheiro sujo, claro.

Faça o primeiro comentário