ACESSE

Mais dois executivos da Petrópolis sumidos

Telegram

Além de Walter Faria, outros dois executivos do Grupo Petrópolis, suspeitos de operar propinas da Odebrecht, ainda não se entregaram.

Cléber da Silva Faria, com ordem de prisão temporária, está em viagem aos EUA, mas os advogados informaram a Polícia Federal que ele pretende antecipar a volta para se apresentar e ser interrogado.

Naede de Almeida, também com prisão temporária decretada, chegou a informar os agentes por telefone, de manhã, que estava com advogados e retornaria a ligação após uma reunião com eles.

Até o fim da tarde, não havia retornado.

MORO: 'NÃO ENQUANTO EU ESTIVER AQUI.' Leia aqui

Comentários

  • Júlio -

    Walter Farias, amigão do Luciano Huck...

  • Sotero -

    Convido a fazermos um boicote patriótico contra a cervejaria Petrópolis, que cresceu vertiginosamente com o lastro da corrupção e dinheiro sujo roubado do povo brasileiro ( marcas Itaipava e Petr

  • Mario -

    Se eu soubesse que a cerveja PETRA é dessa quadrilha, jamais teria comprado.

Ler 12 comentários