ACESSE

Mais que indícios, há prova contra irmão de Geddel, afirma procuradora-geral

Telegram

Raquel Dodge escreveu que, “mais do que indícios, há prova” da participação de Lúcio Vieira Lima na ocultação dos R$ 51 milhões encontrados no bunker ligado ao seu irmão, Geddel.

A procuradora-geral de República pediu abertura de inquérito contra o deputado baiano em 5 sde outubro, e ela foi determinada por Edson Fachin seis dias depois.

Enquanto isso, Geddel continua preso na Papuda. E muita gente, inclusive no Planalto, continua com medo de que ele feche acordo de delação.

Comentários

  • didi -

    o suininho tem que ir pro xadrez tb.... irmãos metralhas....

  • GILMÁFIA -

    Brasileiros acordados, alertas, de olho abertos em cima dessas "autoridades" aí! Ainda há tetonas demais sendo secadas por esses criminosos de colarinho branco!

  • carla -

    Tô gostando do teu trabalho,muié

Ler 6 comentários