Mais tarde

No mesmo depoimento, Paulo Roberto Costa reforçou que a Lava Jato ainda tem muito o que esclarecer sobre o envolvimento das empreiteiras com o governo:

“Elas olhavam outros projetos, em Ministério dos Transportes, em portos e aeroportos e uma porção de outras coisas que, mais cedo ou mais tarde, virão à tona com certeza.”

Infelizmente, tudo fica para mais tarde no Brasil.