"Mais uma das propostas de instabilidade de Guedes", diz líder do Cidadania

O congelamento de aposentadorias para bancar o Renda Brasil — ideia descartada hoje por Jair Bolsonaro — foi “mais uma das propostas de instabilidade de Paulo Guedes”, na avaliação do líder do Cidadania na Câmara, deputado Arnaldo Jardim.

Para ele, aliás, a equipe econômica do governo “está se especializando em criar cenários de instabilidade”.

O deputado também disse que o episódio do Renda Brasil, morto antes de nascer, mostra como os “balões de ensaio” da equipe de Guedes provocam “muita confusão na economia e na vida das pessoas”.

“Uma equipe que deveria ter estabilidade e equilíbrio produz o contrário. Antes, o ministro dizia que o Renda Brasil precisava da CPMF. Depois, afirmou que o programa seria irrealizável. E agora falar em sacar das aposentadorias o recurso para esse fim. Soltar balaios de ensaios cria instabilidade. É uma equipe que não entrega resultados. O ministério da Economia alega que está cuidando de tudo, mas não entrega nada.”

Leia mais: Bolsopetismo pró-impunidade: bolsonaristas e petistas juntos contra a proposta de prisão de condenados em segunda instância
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 16 comentários
TOPO