A malignidade de Marina

FHC, entrevistado por O Globo, disse que Marina Silva vai derreter:

“Gosto da Marina, me dou com ela, mas não acho que vá para o segundo turno. Ela tem pouco tempo de TV. Há uma certa fragilidade na candidatura, nela mesma. O povo sente isso. Ela tem uma causa, é aberta, mas falta um pouco de malignidade.”

A candidata da Rede respondeu com uma certa dose de malignidade:

“Com todo o respeito e admiração que tenho por FHC, o que trouxe o país à crise atual não foram boas intenções, mas sim o excesso de malignidade — aliás, muito presente na coligação do candidato tucano.”

Comentários

  • sindrome -

    O que FHC, velhinho vermelho fala não se escreve, cada hora a bandeira vira para um lado, de acordo com a cabeça do ancião, que já está fora da politica há muito tempo. Porque no te callas?

  • Marçal -

    As esperanças de um Brasil que possamos nos orgulhar novamente estão em Bolsonaro e Mourão. Ordem e Progresso com Educação, segurança, crescimento, sem corrupção, sem paternalismos.

  • HPS -

    Marina é autêntica. Ela acredita nas bobagens que fala.

Ler 56 comentários