Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mandetta: governo fez "intervenção militar" para se ausentar do combate à pandemia

Governo Bolsonaro agiu "para apontar o dedo e criticar sistematicamente governadores e prefeitos", disse ex-ministro
Mandetta: governo fez “intervenção militar” para se ausentar do combate à pandemia
Reprodução/CLP/TV Estadão

Mandetta disse nesta quinta (1º) que o governo Bolsonaro fez uma “intervenção militar” na área da Saúde para “se ausentar do combate à pandemia”.

“A primeira maldade que fizeram na condução dessa pandemia, que é responsável por esse resultado desastroso, foi a quebra do pacto federativo”, disse o ex-ministro de Bolsnaro, em debate de presidenciáveis da 3ª via transmitido pela TV Estadão e organizado pelo Centro de Liderança Pública (CLP).

“O governo federal saiu do controle da pandemia, não queria que se falasse sobre o assunto, fez uma intervenção militar sem preparo técnico, mas principalmente para se ausentar do combate à pandemia”, acrescentou.

“Para apontar o dedo e criticar sistematicamente governadores e prefeitos, transferindo a responsabilidade de medidas duras que tinham que ser feitas para preservar vidas”.

Mandetta também disse que o governo caiu em um “falso debate” entre preservar saúde e economia. Sem citar o nome de Paulo Guedes, deu a entender que o ministro da Economia contribuiu para esse entendimento.

No palco também estão Ciro Gomes e Eduardo Leite.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO