Manu não curtiu

Manuela D’Ávila não gostou de saber que o Ministério do Trabalho vai acabar.

A grande imprensa está atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Moro... Imagine o que ela está deixando de revelar para VOCÊ LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 70 comentários
  1. “Trabalho sem direitos” é ótimo. Com toda certeza ela nunca acompanhou a rotina desse ministério, nem ações trabalhistas, nem demissões etc. Trabalho no Brasil é “sem deveres”, isso sim.

    1. Chora Manuela que o choro é livre e não custa nada.Essa senhora de estar tomando Rivotril 4x ao dia. O PCBÃO que foi pro brejo e agora as boquinhas no MT. Procure uma vaguinha no MST, quem sabe?

  2. O combate ao trabalho escravo continuará em outra pasta, mas não numa estrutura cara que serviu para criar uma máfia de sindicatos fantasmas. 14 milhões de desempregados agradecem a economia!

    1. Isso. A discussão de extinção de ministérios é sempre falseada como extinção de serviços públicos. Se houvesse um ministério para cada política pública seriam centenas.

  3. E pensar que se o Caggad tivesse sido eleito e tivesse um enfarte esta microcefala comunista incompetente que nunca trabalhou na vida seria Presidente do Brasil, com tatuagem Che Guevara no braço!

  4. Mas qual desempregado, qual trabalho escravo? Moramos do País da PTislândia, onde a esquerda governou e tirou todos da miséria do desemprego e salários injustos. PARA QUE MINISTÉRIO DO TRABALHO?

  5. Que tempos, né? tempos em que o plano comunista de vocês não deu certo. Esse sim escraviza e deixa o trabalhador na miséria, enquanto vocês pintam e bordam com a riqueza do país, né fulana?

  6. São tempos em que é melhor praticar o trabalho, se aplicar normas de deveres e direitos, se reconhecer o mérito e se buscar resultados. Não são mais tempos apenas voltados a empregos de pelegos.

  7. Trabalho sem direitos, 14 milhões de desempregados, trabalho escravo, tudo isso é herança maldita que, com Ministério do Trabalho, Lula e Dilma deixaram p/ Bolsonaro. Prova que o Ministério é in

  8. Os milhões de desempregados devem ser creditado aos governos do PT, que a bem da verdade a senhora sempre apoiou. Ultimamente o ministro do trabalho vendia licenças para sindicato. Vá te catar!

  9. Essa bancada da chupeta chora por qualquer fato novo que entre em desacordo com as velhas manias esquerdistas, sindicatos, arrecadações etc. A pergunta é: O Ministério do Trabalho gera empregos??