Marcelo Odebrecht nega ‘relação direta’ com Lula

O UOL registra que a defesa de Marcelo Odebrecht entregou suas alegações finais no processo do sítio de Atibaia, em que Lula e ele são réus.

O empreiteiro negou que tenha existido uma “relação direta” entre ele e o petista e alegou não ter prometido ou oferecido vantagem indevida ao ex-presidente.

Na manifestação, Marcelo ainda indica que o acerto de pagamento de propina envolvendo o sítio foi feito entre Lula e seu pai, Emílio Odebrecht.

Será que o governo está no caminho certo? LEIA AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 27 comentários
  1. Não entendo porque continuo lendo este pasquim digital. A manchete quer induzir que Marcelo defendeu Lula enquanto todos sabemos desde sempre que a relação com o AMIGO era feita pelo pai. Vergonhos

  2. Mas é claro que ele não ofereceu vantagens ao Lula… o Lula ofereceu vantagens à sua empresa perante os contratos com a Petrobrás. A inversão é proposital para a desinformação.

  3. Justiça seja feita: Marcelo sempre afirmou que o condenado se entendia com seu pai. O próprio Emílio confessou, de maneira enviesada, que era ele o amigo do “amigo”. Há e-mails confirmando isso.

  4. Esta máfia da Odebrecht tinha que ser estatizada e vendida em leilão! Em qualquer país que vá é criminosa e depois se diz arrependida e colaborativa. Mas, do Brasil… Não espero mais nada.

  5. Esta máfia da Odebrecht tinha que ser estatizada e vendida em leilão! Em qualquer país que vá é criminosa e depois se diz arrependida e colaborativa. Mas, do Brasil… Não espero mais nada.

    1. Ex Bolsonaro e analfabeto porque o relacionamento sempre foi entre Lula e Emílio e não Marcelo. Isto já consta nas investigações do triplex que botaram O LULA NA CADEIA, BABACA.