Marco Aurélio defende imunidade parlamentar de Bolsonaro

Marco Aurélio Mello, em seu voto, também ressaltou que Jair Bolsonaro possui imunidade parlamentar.

O ministro lembrou que Bolsonaro sempre criticou a demarcação de terras indígenas e de quilombolas. E citou discursos anteriores feitos pelo deputado no plenário da Câmara.

“É um crime o que estão fazendo com o território nacional. Já temos demarcados uma área maior que a Região Sudeste e tudo terra rica. Não tem área indígena em cima de terra pobre”, disse o deputado num desses pronunciamentos.

Marco Aurélio aplicou o mesmo raciocínio para o trecho da palestra em que Bolsonaro alerta para a imigração ilegal.

Comentários

  • Aderval -

    Quadrilha lulaláu acabou com meu Brasil, agora tudo pode, tudo acontece, até STF cuida dos palavrões que solto ao ar, como se STF não tivesse o que fazer. Que tristeza me dá o fim do meu Brasil

  • Homem -

    Que absurdo! Não podia rejeitar a denúncia, afinal, estão todos contra o Bozo!!!! Que disparate!!!! Niiiii!

  • Cino -

    Agora o M.A.M. está interpretando a constituição, quando se tratava do Temer, era fazer justiça.. mesmo contra a CF...principalmente as 2 denuncias enviadas a camara.

Ler 13 comentários