Marco Aurélio diz que não sabia que pedido de soltura foi feito por escritório de seu ex-assessor

Marco Aurélio diz que não sabia que pedido de soltura foi feito por escritório de seu ex-assessor

Em entrevista à Rádio BandNews FM, o ministro Marco Aurélio Mello foi questionado neste domingo sobre a reportagem da Crusoé que mostrou que o pedido de soltura do traficante André do Rap foi feito pelo escritório de um ex-assessor de seu gabinete.

O pedido, como mostrou a reportagem de Rodrigo Rangel e Luiz Vassallo, foi apresentado pelo escritório de Eduardo Ubaldo Barbosa, que até o começo do ano era assessor no gabinete do ministro do STF.

Marco Aurélio afirmou que “não sabia quem era” o autor do pedido e acrescentou que, se soubesse, não estaria impedido de julgar.

Disse ainda que ele tem onze assessores com quem mantém uma “relação funcional” e que nunca teve uma “amizade íntima” com Eduardo Ubaldo.

Leia mais: Sucessão no STF: a imagem do escolhido por Bolsonaro derrete
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 318 comentários
TOPO