Marina critica emenda do teto de gastos

Telegram

Em entrevista à Reuters, Marina Silva criticou duramente a emenda constitucional do teto dos gastos públicos e afirmou que sua manutenção inviabiliza a administração do governo federal nos próximos anos.

A presidenciável da Rede evitou afirmar que irá rever o teto de gastos, tema delicado para o mercado financeiro, mas afirmou que será necessário fazer uma avaliação “criteriosa” da emenda.

“Não sou eu que estou dizendo, é a realidade que diz isso. E qual é a realidade? O governo congelou por 20 anos a educação que temos, a saúde que temos, a segurança, a infraestrutura. Isso é razoável?”

É a terceira vez que Marina concorre à Presidência. Desta vez, com uma bancada de dois deputados federais, a Rede terá exatos oito segundos de tempo para sua propaganda de rádio e TV.

Comentários

  • wanderlei -

    Na casa da gente quando o dinheiro não é suficiente para comer carne a gente come ovo frito. Essa fulana é uma petista inveterada quer que o Estado seja cada vez maior não sabe que o certo é reduzir despesas.

  • Reformador -

    Já ouviu falar em remanejamento? Cortar de um lado para gastar em outro? Ou quer fazer as coisas pelo lado mais fácil.

  • Marcelo -

    Só há um jeito de gastar mais do que ganha: comprometendo o futuro. Marina, o futuro chegou! Não estrague o futuro do Brasil.

Ler 72 comentários